Criocirurgia

A criocirurgia foi usada pela primeira vez no século passado.e consiste em utilizar nitrogênio líquido a -196˚C, para congelar lesões cutâneas ou promover renovação dos tecidos. O congelamento causado pelo nitrogênio leva à formação de cristais de gelo dentro das células, assim esse processo leva a morte celular através da necrose. A cicatrização ocorre dentro de 14 a 21 dias, onde inicialmente os efeitos da criocirugia geram um escurecimento dos tecidos onde foi aplicado o nitrogênio na forma de vapor, mas a cicatrização normalmente é muito satisfatória. Veja nossos artigos sobre Criocirurgia

Papilomas e lesões tumorais como carcinoma espinocelular em gatos reagem muito bem a criocirurgia. Pode ocorrer a formação de um tecido cicatricial mais claro e ainda o crescimento de pêlos brancos na região.O nitrogênio é acondicionado na forma líquida em botijão específico e aplicado com uso de uma pistola, que restringe o vapor em determinada área isolada do paciente. A criocirugia é uma técnica que deve ser realizada por um veterinário treinado e muito segura para os animais, principalmente animais idosos, pois dependendo da localização e extensão da lesão, não é necessário o uso de anestesia geral para a realização da criocirurgia, diminuindo por sua vez os riscos anestésicos para este paciente. A criocirurgia foi adotada pela Clínica Total Vet no ano de 2005, sendo utilizada como forma tratamento de dermatologia, formações de pele como verrugas, cistos e pequenos tumores, obtendo-se ótimos resultados. Veja também nosso Microchip Cães

Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.